INÌCIO  
CONHEÇA ARARAQUARA  
  - City Tour Municipal
  - Perfil
  - Fale Conosco
  - Lentes da Cidade
  - Arena da Fonte
  - Guia de Compras
  - Memórias da Cidade
CONTUR  
  - Lei do CONTUR
  - Regimento Interno
  - Membros do Conselho Municipal de Turismo
  - Conselho Municipal de Turismo - CONTUR
  - Missão Visão e Valores
GUIA ARARAQUARA  
  - Agências de Viagem
  - Empresas de Eventos
  - Faculdades
  - Gastronomia
  - Hotelaria
  - Shopping´s
REVISTA  
  - Todas Edições
UTILIDADES  
  - Telefones Úteis
  - Cinema
  - Hospitais
  - Pontos de Táxis
  - Pronto Atendimento - Pronto Socorro
CEAR  
CONTATO  
 
 

Total de visitas: 541340
Nossa Massa
 Igreja Matriz de São Bento
 

Até 1816, os primeiros povoadores da região tinham somente uma capelinha erguida por Pedro José Neto e dependiam dos serviços religiosos de Piracicaba.
Coube a Bento de Aguiar Barros, o Barão de Itu, caçador nos campos de Araraquara, ajudar na criação de uma paróquia. Com a construção de uma capela que foi instituída por D. João VI a Freguesia de São Bento de Araraquara, em 22 de Agosto de 1817, data que passou a ser a da fundação da cidade.
Desde 1805 foram construídos 6 templos no mesmo local, sendo a última demolição em 1957 e a atual igreja encontra-se inacabada há muitos anos, por falta de recursos financeiros, dado o porte da construção.
Após a demolição, o centro de Araraquara, cuja vida era regulada pelas badaladas do relógio da torre, passou a observar o relógio da Fábrica de Meias Lupo.
A praça da Matriz, cujos jardins foram projetados pelo Engenheiro, Alexandre Ribeiro Marcondes Machado, tombada pelo CONDEPHAAT em Abril de 1998,  hoje encontra-se alterada e  limitada pela construção das escadarias, possuindo um chafariz com uma águia no topo.
Próximo ao chafariz encontra-se o busto do Maestro José Tescari, italiano que ao vir para o Brasil, viveu mais 40 anos em Araraquara, sendo conhecido em todo o Brasil, no cenário musical, deixando 324 obras, principalmente sacras, composições para piano e ópera.
Ajudou a fundar o Conservatório Dramático e Musical de Araraquara, onde era professor; também fundou a Orquestra Sinfônica de Araraquara.
O busto esculpido em bronze foi instalado na praça da Matriz em 7 de Setembro de 1955, uma homenagem de seus alunos, amigos e admiradores
A praça tem ainda o obelisco comemorativo dos 100 anos do 1º batizado em Araraquara, realizado pelo padre Malachias em 1817. O Capitão Antonio Lourenço Corrêa fez a doação do obelisco ao povo de Araraquara.

 
Saiba o tempo:
Buscar
Sinhores Button
 
 

Para Anunciar na Revista e/ou no Site Ligue: (16) 99705.6572